14/11/2017
Figura 2. Um martelo pneumático de contragolpe de 40 MTh, dos quais existem diversos em operação no mundo. Notar as grandes quantidades de serragem utilizadas

Lubrificação de Matrizes de Martelos

Hoje os grandes martelos de contragolpe e acionamento pneumático ganharam destaque para o forjamento com manipulação robótica dos tarugos e dos forjados de eixos dianteiros de caminhões e virabrequins marítimos
26/09/2017

Lubrificante de matriz – Uma visão atual sobre os lubrificantes de matriz

As colunas anteriores sempre enfocaram o lubrificante de matriz por si só, de dentro para fora, sua história, suas características, seu mecanismo de formação, suas vantagens […]
23/06/2017

A formação de camada de lubrificante sólido na matriz

Relendo as 8 colunas que produzi até então para a revista Forge, me apercebi que tenho uma forte tendência a assumir coisas que para mim são […]
09/05/2017

Lubrificante de matriz VII: O retorno às origens

Na primeira coluna desta série, dissemos que a origem do lubrificante de matrizes está na invenção do DAG (Defloculated Acheson Graphite) por Edward Goodrich Acheson, há […]
02/04/2016

Lubrificante de matriz parte V – Sistemas de pulverização: Atomização externa

Nesta edição vamos analisar o hardware para realizar esta teoria
15/10/2015

Lubrificante de matriz – Parte IV: Toyota Paper – Atomização externa

O filme lubrificante bem aderido pode ser criado no menor tempo fazendo as gotas de lubrificante pequenas
09/04/2015

Lubrificante de matriz – Parte III: examinando os sistemas de aplicação

Foi feita uma analise dos sistemas, dos equipamentos de aplicação de lubrificantes
14/12/2014

Lubrificante de matriz – Parte II

A procura de lubrificante sem grafite, branco, de cor clara, sintético e outros nomes com os quais este tipo de produto foi designado
09/08/2014

Lubrificante de matriz – Parte I

O papel importante do lubrificante no forjamento em matrizes